GREVE DE CAMINHONEIROS PARALISAM O PAÍS

Caminhoneiros cruzam os braços pelo quarto dia em protesto contra a alta no preço dos combustíveis no Brasil — em especial o diesel, que subiu 50% desde julho de 2017. A greve dos caminhoneiros começou na última segunda-feira e, na quarta, a Petrobras anunciou o corte de 10% no preço do diesel nas refinarias por 15 dias. Já a Câmara aprovou projeto que elimina a cobrança de PIS-Cofins sobre o diesel até o fim do ano. Os motoristas de caminhões, entretanto, decidiram manter a paralisação, que causa o desabastecimento em supermercados; redução na frota de ônibus em várias cidades; e a falta de gasolina, etanol e diesel nos postos de combustíveis.

Veja os principais consequências da crise dos combustíveis: 
– Greve dos caminhoneiros causa bloqueios em importantes rodovias de 23 Estados e do DF.

– Governo Michel Temer e a Petrobras fazem rodada de negociações em Brasília e caminhoneiros saem de reunião divididos sobre fim da greve.

– Anac recomenda que passageiros consultem a situação dos voos antes de irem aos aeroportos.

– Combustíveis acabam em vários postos do Brasil e filas para abastecer levam horas.

– Associação de hospitais privados apelam a grevistas para que liberem transporte de remédios.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s