CADEVISG E PREFEITURA DE SÃO GONÇALO REALIZAM CICLO DE PALESTRAS SOBRE O OUTUBRO ROSA

No mês em que se comemora o “Outubro Rosa”, campanha de conscientização e prevenção ao câncer de mama, a Secretaria da Mulher, Idoso e Pessoa com Deficiência, junto com a Secretaria de Saúde e Subsecretária de Atenção Básica, à convite da Cadevisg (Centro de Apoio ao Deficiente Visual de São Gonçalo), realizou na manhã de hoje um ciclo de palestras para o público na sede do centro de apoio, no Porto Velho.

O evento contou com a presença da Subsecretaria de Políticas para Mulheres, Andréa Machado, que abriu a roda de conversa e falou sobre a importância de levar informação para mulheres com deficiência visual.

“Em comemoração ao mês voltado à prevenção do câncer de mama, levar esse tipo de informação a todas as mulheres, em especial às deficientes visuais, é de grande relevância. É preciso buscar levar questões de saúde a essas mulheres, articulando sempre entre todas as áreas”, afirmou Andréa.

A subsecretária da Pessoa com Deficiência, Tânia Loyola, também participou do evento e falou sobre a importância desse tipo de conversa direcionada a esse público. “A Subsecretaria da Pessoa com deficiência está sempre presente nas ações que se diz respeito a toda e qualquer deficiência e alertar a população sobre o cuidado com a saúde e a realizações de exame, como a mamografia e o preventivo, é de suma importância”, disse Tânia.

Durante o ciclo de palestras, o público presente recebeu orientações sobre a importância do diagnóstico precoce e do autoexame e participaram de atividades dinâmicas com ação de toque para que a mulher com deficiência visual possa ter conhecimentos teóricos e práticos de como funciona melhor o seu corpo.

“É importante esse tipo de diálogo sobre a importância do diagnóstico precoce com essa parcela da população que não tem acesso à informação com tanta facilidade”, disse Vanusa Ferreira, enfermeira do Programa de Saúde da Família (PSF), do Patronato.

O coordenador de Regulação de Fisioterapia do Núcleo de Ostomizados e do programa da Rede de Cuidados da Pessoa com Deficiência, Pedro D`Ávila, e a fisioterapeuta Valéria Fiuza falaram sobre a importância da fisioterapia durante o processo de tratamento da paciente mastectomizada e dos demais serviços oferecidos no Núcleo de Ostomizados.

“A fisioterapia é um marco importante na reabilitação das pessoas. Nosso trabalho é identificar qual o nível de complexidade que a pessoa tem e encaminhar para o programa específico que vai atender a necessidade do usuário. Saber o que fazer, em um local com profissionais capacitados para atender suas necessidades é um ganho muito grande para a população”, contou Pedro.

O Núcleo de Ostomizados fica na Avenida Presidente Kennedy, 207, no Centro de São Gonçalo. Telefone: 2605-8086.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s