DÉBORA DIAS É A NOVA DELEGADA DA DEAM-SG

Débora Rodrigues é a nova titular da Delegacia de Atendimento à Mulher de São Gonçalo (DEAM). A delegada tomou posse ontem, ficando no lugar que até então era da delegada Ana Carla Rodrigues Moura, que ficou à frente da especializada durante oito meses.

“De março a dezembro de 2018 foram indiciados mais de 1500 autores de crimes contra as mulheres em São Gonçalo. Fizemos diversos cumprimentos de mandados de prisão e conseguimos terminar o ano liderando o ranking de produtividade de Relatórios de Inquéritos com indiciamento da Divisão de Policia de Atendimento à Mulher (DPAM). Fizemos o que foi possível para a população gonçalense e estou pronta para o próximo desafio”, afirmou Ana Carla, que passa a assumir a DEAM de São João de Meriti.

Pela terceira vez no comando da DEAM SG, Débora Rodrigues falou sobre a importância de realizar um trabalho em rede no combate à violência contra a mulher.

“A população gonçalense é muito grande e para combater a violência contra a mulher vai ser preciso ter harmonia de trabalho com as demais esferas, já que a polícia cuida apenas da parte técnica. Precisamos dar apoio psicológico à vítima junto à prefeitura, a Defensoria Pública, o Ministério Público e os demais órgãos públicos e privados e essa rede não pode falhar, porque se falhar chegamos ao feminicídio. Quero conscientizar todas as mulheres, as vítimas para que venham registrar e as que não sofrem para que sejam multiplicadoras desse combate”, explicou Débora.

A subsecretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Andréa Machado, esteve presente para prestigiar e dar as boas vindas para a Dra. Débora Rodrigues e para se despedir e agradecer a Dra. Ana Carla pela parceria com a Subsecretaria de Política para as Mulheres e o Centro Especial de Orientação a Mulher (CEOM).

“Agradeço a Dra. Ana Carla por essa parceria nesses oito meses e desejo muito sucesso no seu novo desafio e estou muito feliz com a volta da Dra. Débora. Nosso objetivo é ampliar e fortalecer o atendimento nas redes de proteção às mulheres”, disse Andréa.

Redes de proteção – Além do 180 (Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência), a cidade de São Gonçalo ainda possui as redes de proteção através do Conselho dos Direitos da Mulher, localizado na Rua Uriscina Vargas, 36, Mutondo; Movimento de Mulheres, na rua Rodrigues da Fonseca, 201, Zé Garoto; Delegacia de Atendimento a Mulher (DEAM), na Avenida Dezoito do Forte, 578, Mutuá; e através do próprio CEOM, que funciona de segunda a sexta, das 9h às 17h, com atendimento presencial na Rua Camilo Fernandes Moreira, em Neves, ou ainda pelo telefone 96427-0012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s