GOVERNADOR DO RIO DIZ ESTAR EMPENHADO PARA APROVAR A REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Witzel se reuniu com presidente e participou de Fórum dos Governadores

O governador Wilson Witzel reiterou, nesta terça-feira (26/03), em Brasília, que o Estado do Rio está empenhado para que a reforma da Previdência seja aprovada ainda neste primeiro semestre. Witzel reforçou essa posição durante reunião com o presidente Jair Bolsonaro, no Palácio do Planalto.
– Falei para o presidente que estamos todos empenhados para que a reforma da Previdência seja aprovada o mais rápido possível. É importante para o Brasil, é importante para o Estado do Rio de Janeiro, e eu tenho me reunido com a nossa bancada federal e pedido a eles empenho para poder aprovar. Não há um governador que pense diferente. É evidente que há discussões sobre o conteúdo do projeto, mas todos queremos que seja aprovada nesse primeiro semestre, para que nós tenhamos tempo de fazer ainda a reforma tributária e poder dar ao Brasil novamente condições de se desenvolver, atrair capital estrangeiro e retomar o crescimento – afirmou.
O governador disse ainda que conversou com o presidente sobre medidas alternativas ao Regime de Recuperação Fiscal para auxiliar na crise financeira dos estados. Witzel também aproveitou para tratar sobre o setor de infraestrutura e logística do Rio.
– O Porto do Rio de Janeiro é muito importante para o estado, para o ambiente de negócios, para o turismo, e fiz um pedido ao presidente para que ou o Porto seja entregue à administração do Estado, ou nós possamos ter uma parceria maior na gestão do Porto. Também falei da importância da licitação do Aeroporto Santos Dumont para evitar o conflito com o aeroporto do Galeão. Nós melhoramos muito as vias de acesso ao Galeão, com a Polícia Militar fazendo o patrulhamento da Linha Vermelha, da Linha Amarela, e é fundamental que nós tenhamos um aeroporto fortalecido – ressaltou.
Na manhã desta terça-feira, o governador e os outros 26 chefes dos executivos estaduais se reuniram com o ministro da Economia, Paulo Guedes, no Fórum dos Governadores, também em Brasília. Durante o encontro, além da reforma da Previdência, foram discutidos temas fundamentais para resolver a crise fiscal dos estados, como o pacto federativo, securitização das dívidas, cessão onerosa, Lei Kandir, Fundeb e Fundo Nacional de Segurança Pública.
O ministro Paulo Guedes afirmou que o Plano de Equilíbrio Financeiro para ajudar os estados já está sendo preparado pela equipe econômica. O projeto prevê a antecipação de receitas para aqueles que apresentarem medidas de ajuste fiscal. Witzel pediu a Guedes que os entes federativos tenham abertura para participar ativamente da elaboração do projeto de lei do plano.
– Minha proposta é que já possamos participar do Plano de Equilíbrio Financeiro, porque não conhecemos o texto e suas condições. Queria propor de participarmos de imediato para chegarmos com o texto no Congresso já redondo –disse o governador do Rio.
O próximo Fórum dos Governadores será realizado no dia 23 de abril, em Brasília.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s