MISSÃO DA FORÇA NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA EM MOÇAMBIQUE É PRORROGADA ATÉ 7 DE JUNHO

24 bombeiros embarcaram para o país e vão dar continuidade ao trabalho humanitário

A missão de ajuda humanitária do governo brasileiro a Moçambique foi prorrogada até o dia 7 de junho. Com isso, 24 bombeiros da Força Nacional de Segurança Pública embarcaram para o país para dar continuidade à missão que teve início no fim de março. Os 20 bombeiros que iniciaram os trabalhos retornam ao Brasil nesta terça-feira (7).
Em março, um desastre causado pelo Ciclone Idai atingiu mais de 1,8 milhão de pessoas em Moçambique. No fim de abril, novo desastre foi causado pela passagem do ciclone Kenneth.
O pedido de apoio humanitário foi feito diretamente pelo presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, ao presidente Jair Bolsonaro. A Força Nacional tem atuado na cidade de Beira desde o dia 31 de março de 2019. A missão de assistência humanitária é coordenada pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC), no âmbito do Grupo de Trabalho Interministerial de Assistência Humanitária Internacional (GTI-AHI), formado por 15 órgãos da Administração Pública Federal, entre eles, o Ministério da Justiça e da Segurança Pública. Em Moçambique, a missão conta com a participação do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s